Professora da cidade de Oeiras no Piauí, diz ter sido suspensa do trabalho por perseguição Política



Segundo a professora Quitéria Almeida Na segunda feira dia 24/06/2019, a mesma teve um ensaio das apresentações da escola onde trabalha, e para fazer a sua apresentação precisava de umas folhas de carnaúba,  ela comunicou a direção, colocou no grupo da escola,  que iria com professora Miriam bem cedo tirar as carnaúba, em seguida as duas iriam direto para a praça de eventos.

E que também  precisariam das  peneiras, giz e fita gomada para ensaiar.
Segundo a professora Quitéria quando terminou tudo e chegou no local, a coordenadora não levou os materiais solicitados e previamente pedido.

Quando a professora perguntou  a coordenadora sobre os materiais solicitados, a mesma respondeu asperamente e disse; porque tu não foi buscar na escola?

Ao chegar em casa a professora foi surpreendida com um envelope contendo o documento comunicando que a mesma  estava sendo suspensa do seu serviço.

É bom lembrar que a professora Quitéria é concursada há 16 anos, e sempre cumpriu com suas obrigações, e sempre auxiliou nos projetos do município, e hoje está acuada, ameaçada e perseguida.

O portal Gvieira Notícias está disponível caso a outra parte envolvida queira o direito de resposta





About Geciano Vieira

0 Comments:

Postar um comentário