Delegado de Floriano sobrevive ileso após carro ser alvo de pelo menos 12 tiros


O delegado regional de Floriano, Danilo Barroso, teve o carro alvejado por pelo menos 12 disparos de armas de fogo. Dois criminosos em uma motocicleta abordaram o delegado na noite desse domingo (5), em Floriano.

“Eles me abordaram apontando a arma pra mim. Imaginaram que o autor de um homicídio de sexta-feira (3) estava no meu carro e dispararam”, relembrou o delegado que afirmou ao Cidadeverde.com que só sobreviveu por “intervenção divina".

Na imagem do veículo, é possível ver a marca dos disparos no vidro do motorista. O delegado chegou a reagir contra a dupla, que empreendeu fuga.







Os dois suspeitos, segundo o delegado Danilo Barros, estavam em uma motocicleta preta. Para a polícia, a dupla queria executar o suspeito de ter praticado o homicídio na última sexta-feira (3). Ele foi preso pela polícia mas não estava no carro do delegado.




De acordo com Danilo Barroso, a vítima do homicídio era envolvida com tráfico de drogas e os dois suspeitos queriam vingança.




A quantidade de projéteis disparados contra o veículo ainda será apurada pela perícia da Polícia Civil. O caso está sendo investigado e os dois suspeitos ainda não foram localizados.


Cidadeverde.com

About Redação