MP aumenta prazo para empresa provar condições de promover concurso público em Oeiras

O Ministério Público do Piauí aumentou o prazo para que a empresa CRESCER Consultoria consiga provar sua idoneidade em continuar à frente do Concurso Público promovido pela Prefeitura Municipal de Oeiras.

De acordo com informações, o Ministério Público ampliou o prazo para a empresa CRESCER apresentar sua idoneidade comprovando que se encontra apta perante a justiça e os demais órgãos de controle para a consecução do Concurso Público da Prefeitura de Oeiras.

Ainda segundo a informação, a empresa tem 20 dias a mais além do estabelecido para 15 de janeiro. Assim, a CRESCER terá até o dia 05 de fevereiro para apresentar sua defesa. A partir de então, a prefeitura comunicará por meio da imprensa se o concurso público terá ou não continuidade.

O imbróglio sobre a realização do concurso público de Oeiras se deu depois que a empresa responsável pela realização foi alvo de uma operação da Delegacia de Combate à Corrupção (Deccor) que investiga suspeita de fraudes em licitação para concurso público.

No mês de dezembro do ano passado, foi realizada uma audiência com o Ministério Público, a empresa responsável (CRESCER) pelo certame e a Prefeitura de Oeiras. Na ocasião, o Concurso Público (Edital 001/2019) foi suspenso até a data de 15 de janeiro de 2020. As provas do certame estavam marcadas para acontecer em 15 de dezembro de 2019.

Após Acordo de Ajuste de Conduta entre as partes envolvidas, a empresa Crescer Consultorias, anunciou que os candidatos que desejarem requerer o ressarcimento do dinheiro referente ao valor da inscrição ao cargo a que se propunha, já poderiam requerer fazer encaminhando pedido ao e-mail: crescer.oeiraspi@gmail.com.

A expectativa dos candidatos em torno da realização do concurso público da prefeitura Municipal de Oeiras é grande em virtude do tempo transcorrido entre as inscrições e o momentâneo cancelamento. Do período de inscrições até agora já se passaram quase quatro meses.


As informações são do Portal: Folha de Oeiras

About Redação