Homem que estava Foragido de Oeiras é preso pela Polícia de Picos

A Polícia Militar de Picos deu cumprimento a um mandado de prisão contra Eric Bruno de Sousa, 26 anos, após não cumprimento de medidas cautelares determinadas em juízo, no dia 17 de junho do corrente ano. Entre as medidas cautelares estava o uso da tornozeleiras eletrônica.

Eric Bruno de Sousa foi preso no dia 16 de junho em companhia de Jamison Dias, que são naturais de Picos e foram autuados por furto qualificado. Eles arrombaram a escola São José, localizada no povoado Santana, zona rural de Santa Rosa do Piauí e foram presos após vizinhos da escola perceberem a movimentação estranha no local, e acionaram a polícia.

Ao dirigirem-se ao povoado, os policiais encontraram a dupla já na rodovia que dá acesso a sede do município e ao serem questionados disseram que retornavam de uma festa e estavam à espera de um amigo. Todavia, não havia nenhuma festa na região.


Os policiais foram à escola arrombada levando os dois acusados, e ao entrarem no local encontraram portas arrebentadas, possivelmente a chutes e pontapés, visto que não foram encontrados nenhum instrumento que tivesse sido usado. Próximo ao muro do colégio foram encontrados os objetos que foram subtraídos da escola: 03 impressoras; 02 estabilizadores; 02 CPUs; 02 monitores; 02 mouses; 02 teclados; 01 caixa de som amplificada; 01 bolsa de data show; cabos de data show; 05 troféus; 01 microfone; 01 fita gomada; dois botijões de gás e 05 frangos congelados.

Os dois foram conduzidos ao GPM de Santa Rosa do Piauí e ao serem ouvidos disseram que uma terceira pessoa estaria envolvido do arrombamento e que esta pessoa conduzia um carro modelo Monza e que foi visto por populares no dia anterior ao crime e também durante a madrugada, mas que consegui fugir com a chegada de populares.

Após ouvidos no GPM de Santa Rosa do Piauí, os dois foram conduzidos à Delegacia Regional de Oeiras, onde após serem ouvidos pelo delegado Antônio Nilton foram encaminhado para a audiência de custódia, que foi realizada no dia 17 de junho. Na ocasião foi concedida a liberdade provisória aos autuados, mediante o cumprimento de medidas cautelares diversas da prisão, dentre as quais o monitoramento eletrônico através do uso de tornozeleira eletrônica.

Desde o dia 15 de julho, diversas notificações de rompimento e descarregamento total da tornozeleira eletrônica instalada no corpo de Eric Bruno de Sousa foram recebidos pelo Juiz da Comarca de Oeiras, sendo que o Ministério Público representou pela decretação da sua prisão preventiva por descumprimento da medida cautelar de uso de monitoramento eletrônico. 



Entendendo o perigo à mostra pelo acusado, o juiz da 1ª Vara da Comarca de Oeiras, Rafael Mendes Palludo, determinou a prisão preventiva do acusado, que foi recapturado pela Polícia de Picos na manhã desta terça-feira (08), às 08h30, no bairro São José.

Eric Bruno deverá ser conduzido a Penitenciária de Oeiras.

Fonte: Mural da Vila
Tecnologia do Blogger.